a vida depois da vida / eco em museu / canção-vitória / letra empoada / melhor que nada / é memória

segunda-feira, 13 de junho de 2005

Crédula I

Há poemas, canções e posts que foram escritos só para mim.

2 comentários:

Afonso Bivar disse...

Credulidade, mas credulidade hiper-exigente. Como princípio de vida é tramado.

Ana Cláudia Vicente disse...

Hiper-exigente não sei, hiper...bólica, seguramente.