a vida depois da vida / eco em museu / canção-vitória / letra empoada / melhor que nada / é memória

sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Não apenas por causa das pernas dela, claro

Ontem terá dado L'Amour en Fuite a uma hora absurda da madrugada, na RTP1, que nunca vi na íntegra e que queria ver. Repisando a perda, lá fui parar à Wikipédia. Que tinha à minha espera isto:

«Amor em Fuga (L'Amour en Fuite) é um filme francês dirigido por François Truffaut, lançado em 1979. É o último filme de Antoine Doinel de François Truffaut. Após 8 anos de vida em comum, Antoine (Jean-Pierre Léaud) e Christine Doinel (Claude Jade), seu último amor de Baisers Volés e Domicílio Conjugal, decidem divorciar-se... É um filme feito para os amantes dos filmes anteriores da saga. Ele homenageia de maneira carinhosa os outros filmes, trazendo seqüências de todos eles em flashback com Antoine (Jean-Pierre Léaud) e Christine (a bela Claude Jade). Mas de que adiantou eu torcer tanto para os dois (Antoine e Christine) ficarem juntos em Beijos Roubados e Domicílio Conjugal, para vê-los agora em processo de divórcio? Uma pena. Lembro que quando eu vi as pernas de Claude Jade nesses filmes, eu ficava idealizando um casamento similar pra mim. Não apenas por causa das pernas dela, claro, mas por causa do jeito dela, e da química entre os dois.»


Soyez bienvenus ao enciclopedismo emo
.

3 comentários:

Emanuel disse...

Eheh, que lindo. :)
Saudades do cinema no canal 2. Numa semana ficava a conhecer minimamente um realizador...

(Emo? as coisas que eu vou aprendendo por aqui...)

ana disse...

queres que te empreste? Ou quem sabe combinamos um jantar e ofereço-te como se fizesses anos. Que o dia de anos é quando os que sentem por nós carinho quiserem.

Ana Cláudia Vicente disse...

Emanuel,
também eu era espectadora cativa na época dos "Cinco Dias, Cinco Filmes";

Ana,
que querida. Aceito o empréstimo, sim, e escrevo para combinarmos algo no mês que vem, o.k.?