a vida depois da vida / eco em museu / canção-vitória / letra empoada / melhor que nada / é memória

sábado, 26 de agosto de 2006

Coisas Que Só A Mim Apoquentam, XXXIII

Sinto-me horrivelmente arrogante quando tenho dificuldade em reprimir a vontade de rir ante quem me conta um actual problema nas glândulas das argilas, ou quem relembra o recente termo clínico à gravidez de um feto vegetariano.

3 comentários:

António Rosa disse...

Feto vegetariano?! Tenho que me actualizar.

Gabs disse...

Feto vegetariano?

Não conseguir fazer a analogia...

E quem tem problema de falta de "humidade" (sic)?


Oi Cláudia, tudo bem? Antes de tudo, obrigada pelos toques sobre meu post. Bem, eu postei as infos que o meu primo me passou, por isso as bolas fora hehe. Já as corrigi.

Não comentei seu comment no próprio post pq ainda não encontrei a ferramenta para isso no wordpress (no qual ainda estou patinando) portanto, cá estou.

Obrigada e apareça!

Ana Cláudia Vicente disse...

António,
na versão oral estes pontapés são sempre mais perceptíveis é certo; quem se me queixou trocou:

a)axilas por argilas;

b)vegetativo por vegetariano;


Alô,Gabi,
sempre às ordens:) Felicidades na nova casa no Wordpress.