a vida depois da vida / eco em museu / canção-vitória / letra empoada / melhor que nada / é memória

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Coisas Que Só A Mim Apoquentam LXVI

Qual o melhor cumprimento a oferecer, em circunstância mundana ou quotidiana, a alguém com quem se falou em ocasião anterior mas com quem não se está à-vontade? É que por acanhamento continuo a oscilar indiscriminadamente entre: 
a) meio-sorriso
b) sorriso
c) sorriso & aceno
d) sorriso, aceno & olá audível
e) olá audível & par de beijinhos
f) nenhum (se acho que não serei reconhecida)

Assim em termos de bom senso, há uma regra geral para isto?

Estas pequenas/grandes coisas dão-me cabo do juízo.

6 comentários:

rui disse...

Ai... não é "só a ti".

Cláudia [ACV] disse...

Rui,
assim sendo, sinto-me um bocadito menos idiota social.

Clara disse...

eu apostava num sorriso e olá audível :)

Cláudia [ACV] disse...

Clara,
é o mínimo, não é? Acho que as mais das vezes penduro na cara aquele meio-sorriso, só o abro se pressinto resposta.

[E espero que essa fuga de conto de fuga tenha regresso. abraço]

Clara disse...

[acho que n volta]

aprendi - muito à minha custa - que as pessoas gostam muito desses mimos, de sorrisos sobretudo. que mesmo que não reconheçam percebem que é alguém que as reconheceu e retribuem. sempre. que não podemos ter tanto medo uns dos outros.

Cláudia [ACV] disse...

[ :( ]

Acho mesmo que vou adoptar essa opção.