a vida depois da vida / eco em museu / canção-vitória / letra empoada / melhor que nada / é memória

sábado, 2 de junho de 2007

O tempo de uma canção

Quando fora de mim e dos outros há uma canção, e o tempo dela; tomo-a, aguardo o efeito.

4 comentários:

francisco carvalho disse...

Permita-me a inveja. Como gostava eu de ter 'postado' isto.

;)

Ana Cláudia Vicente disse...

:)

disse...

Antes de mais parabéns pelo blog!
Convido-o agora a visitar:

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/

Futebol e política num só!

hfm disse...

E faz muito bem. Tão naturalmente simples e tão difícil de dizer.